Cidades

Caiado entrega renovação do parque tecnológico do HGG, com investimento de R$ 16 milhões

Publicado

em


O governador Ronaldo Caiado entregou, nesta segunda-feira (18/10), Dia do Médico, a renovação do parque tecnológico do Hospital Estadual Dr. Alberto Rassi (HGG). O investimento do Estado na melhoria da unidade de saúde é de R$ 16 milhões. Entre os destaques estão um novo aparelho de ressonância nuclear magnética e outros equipamentos que vão modernizar os atendimentos no local.

Caiado percorreu as instalações para vistoriar os novos itens e também esteve em alas da unidade hospitalar. “É o que se tem de mais avançado hoje. Dá aos colegas médicos que trabalham aqui condições de melhor atendimento ao paciente. Com menor tempo de internação, nós vamos conseguir ter um giro maior entre leitos e pacientes no HGG”,  destacou.

A reestruturação do hospital garante mais qualidade para usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). O novo aparelho de ressonância nuclear magnética, de 1,5 Tesla, propicia conforto e diagnóstico mais preciso. A máquina substitui um equipamento já obsoleto e deve realizar aproximadamente 350 exames por mês.

O Estado também adquiriu um moderno aparelho de raio X digital, capaz de realizar até 2,5 mil procedimentos por mês. Ainda, duas ambulâncias, 215 camas hospitalares elétricas, 100 microcomputadores, mesas de cirurgia motorizadas e outros equipamentos para o pleno funcionamento da unidade de saúde.

Na avaliação do governador, a nova aparelhagem, somada à perícia dos profissionais, contribui para garantir melhores condições de receber a população. “Isso tudo me anima muito a continuar nossa luta em prol da saúde, da qualidade de  vida e da cidadania que todos nós desejamos ao nosso povo”, concluiu.

Caiado destacou ainda o padrão de qualidade instituído na unidade hospitalar. “Hoje é referência no cenário nacional pela qualidade de atendimento às pessoas e pelas cirurgias que aqui são feitas. Nós temos hoje um patamar altíssimo”, reforçou ao citar procedimentos realizados, como transplantes de órgãos. “Esse hospital tem a validação de todos os institutos, tanto brasileiros quanto internacionais, o padrão da medicina que se faz aqui é algo que dá orgulho para nós, goianos”, destacou.

READ  Cultura homenageia Aruc com entrega de ‘totem-monumento’

O secretário de Estado da Saúde, Ismael Alexandrino, pontuou que os recursos destinados à unidade hospitalar se converterão em “qualidade, segurança e bem-estar para os pacientes”. “A medicina está para além do atendimento, além da consulta e do procedimento. A gente precisa cuidar do ser humano, precisa acolher as necessidades”, afirmou.

A auditoria Fiscal do Trabalho da Superintendência Regional do Trabalho em Goiás (SRT/GO), Jacqueline Carrijo, agradeceu o esforço da gestão para implementar as melhorias. “Com esses equipamentos, os trabalhadores, médicos e toda equipe técnica,  terão mais tempo para avaliar os pacientes e estudar para dar um diagnóstico mais preciso. Isso implica em mais segurança, pois confiam na análise que foi feita”, avaliou. Para ela, o investimento em modernização e tecnologia deve servir de referência para outras instituições.

O coordenador técnico do Centro de Terapia Intensiva (CTI) do HGG, Marcelo Rabahi, também reforçou que os novos equipamentos propiciam mais suporte para o exercício da medicina. “Esses equipamentos aqui, na verdade, ajudam a todos nós a fazer as nossas tarefas, e sobra mais tempo para que possamos cuidar dos pacientes”, apontou ao lembrar a preocupação que a falta de aparelhamento pode trazer ao profissional da medicina.

Dia do Médico

Em alusão ao Dia do Médico, o diácono do Santuário Sagrada Família em Goiânia, Nériton Pimenta Rocha, conduziu um momento de oração e percorreu os corredores do hospital para rezar pela saúde dos pacientes internados e pelos médicos e outros profissionais que trabalham no local. Também deu sua bênção aos novos equipamentos adquiridos.

READ  Fundação Renova restaura áreas atingidas por rompimento de barragem

Há 48 anos na medicina, Caiado se dirigiu aos colegas de profissão com referência às premissas de “solidariedade e amor ao próximo”, que regem o trabalho na área. “É aquele lado humanitário que Deus nos deu, a condição do afago, da mão estendida, o carinho de tratar um paciente. Essa é a beleza da medicina e de todos nós que tratamos da vida das pessoas”, enalteceu.

“Às vezes, mais vale a mão que dá o remédio do que o próprio remédio”, citou ao lembrar os ensinamentos que recebeu na sua formação. Ao falar com orgulho da profissão, também pontuou o esforço coletivo da categoria ao longo da pandemia. “Foram os verdadeiros guerreiros, junto a todos os outros que compõem a área da saúde no nosso Estado de Goiás. Isso é uma reverência que quero prestar a todos que não recuaram e não se omitiram um minuto na luta pela vida. Esse é o nosso compromisso”, destacou.

Marcelo Rabahi não deixou de lembrar a influência da formação do governador para conduzir seu mandato. “É um orgulho também que todos nós sentimos hoje, governador, de saber que o senhor, enquanto médico, exerceu o papel de líder do nosso Estado, mas jamais esqueceu o CRM. Nós, que estávamos todos os dias atendendo os pacientes, tínhamos uma referência de alguém pensando como nós: que o mais importante é o ser o humano”, defendeu.

Estiveram presentes à solenidade o coordenador executivo do Instituto de Desenvolvimento Tecnológico e Humano (Idtech), José Cláudio Romero; e colaboradores do HGG.

Fonte: Secretaria de Comunicação (Secom)

Fonte: Governo GO

Comentários do Facebook
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CIDADES

PLANTÃO POLICIAL

POLÍTICA

ECONOMIA

MAIS LIDAS DA SEMANA