Política

Charles Bento reivindica criação de banco de dados sobre crianças desaparecidas

Publicado

em


O deputado Charles Bento (PRTB) apresentou no Parlamento estadual proposta para criação do Banco de Dados de Reconhecimento Facial e Digital para a Prevenção ao Desaparecimento de Crianças e Adolescentes. A propositura foi protocolada na Casa como processo de nº 5741/21.

De acordo com o deputado, de janeiro a junho de 2020 foram registrados quase 1.400 casos de pessoas desaparecidas em Goiás. Em todo o ano de 2019, foram exatos 3.648 desaparecimentos, de acordo com dados da divulgados pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-GO).

Segundo ainda Charles Bentos, a cada 11 minutos, pelo menos uma pessoa desaparece no Brasil e cerca de 3.100 pessoas, entre adultos e crianças, desaparecem por ano em Goiás. “Nesse sentido, o projeto de lei será um grande avanço para a investigação e solução de casos de desaparecimento que envolvem crianças e adolescentes no Estado de Goiás. Será viabilizada uma maior operacionalização das ações de coordenação e combate de redes de pedofilia, tráfico de órgãos, prostituição e escravidão moderna, que, infelizmente, constam como os principais motivos por trás de um desaparecimento forçado dos menores”, assinala o parlamentar.

READ  Francisco Oliveira promove sessão especial em comemoração ao Dia da Consciência Negra nesta terça-feira, 30

O projeto passa agora por análise na Comissão de Constituição e Justiça para depois ser eviado ao plenário, onde será deliberado em dois turnos de votação.

Comentários do Facebook
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CIDADES

PLANTÃO POLICIAL

POLÍTICA

ECONOMIA

MAIS LIDAS DA SEMANA