Esportes

Miranda está de volta a equipe do São Paulo

Publicado

em


Desta vez não é uma visita para matar a saudade: Miranda está em casa novamente! Tricampeão brasileiro e ídolo da torcida são-paulina, o zagueiro voltou para ficar e assinou contrato até 31 de dezembro de 2022. Seu último clube foi o Jiangsu Suning, da China.

Aos 36 anos e dono uma carreira vitoriosa fora do país, assim como no Tricolor, o defensor volta a vestir a camisa do clube depois de aproximadamente dez anos.

Miranda já passou por exames médicos e está integrado à rotina do elenco no CT da Barra Funda. Sua apresentação à imprensa será na tarde desta quarta-feira e terá transmissão ao vivo pela SPFCtv.

CARREIRA

Nascido em Paranavaí, no Paraná, Miranda começou a carreira nas categorias de base do Coritiba e se destacou durante a disputa da Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2004 – foi semifinalista. Promovido ao elenco profissional, foi campeão estadual logo no início de sua trajetória.

As atuações do jovem zagueiro despertaram o interesse do Sochaux, da França, que o contratou em 2005. No meio do ano seguinte, ele voltou ao Brasil com um enorme desafio pela frente: substituir o ídolo Lugano, que deixara o Morumbi.

Sob o comando de Muricy Ramalho, Miranda transformou-se em um dos grandes ídolos do São Paulo nos últimos anos. A tarefa que parecia difícil se tornou fácil. Ele jogou 260 partidas pelo clube, sempre como titular, e fez história com o inédito tricampeonato brasileiro, em 2006, 2007 e 2008 – feito jamais batido até hoje.

  São Paulo intensifica treino para enfrentar o Flamengo

READ  Semana do Cerrado lança novo sistema ambiental

Além das conquistas, o zagueiro também acumulou prêmios individuais que deram ainda mais peso ao seu currículo, sendo eleito diversas vezes o melhor defensor do Campeonato Brasileiro no período em que atuou no Morumbi, além de acumular convocações para a Seleção Brasileira.

Em 2011, após seis temporadas no clube, o jogador se transferiu para o Atlético de Madrid.

Ao lado de Juanfran, que recentemente atuou no Tricolor, fez parte de uma das gerações mais vitoriosas do clube espanhol, com a conquista do campeonato nacional (2013/14) e da Copa do Rei (2012/13), além de disputar a final da Liga dos Campeões.

De lá, seguiu para a Internazionale de Milão, onde atuou de 2015 a 2019. Neste período, teve a oportunidade de disputar a Copa do Mundo de 2018 pela Seleção Brasileira, na Rússia.

Nas duas últimas temporadas, Miranda defendeu o Jiangsu Suning, da China, e foi campeão chinês (2020) antes de retornar ao Tricolor.

Números de Miranda no São Paulo:

2006: 14 jogos e 1 gol

2007: 64 jogos e 4 gols

2008: 53 jogos e 1 gol

2009: 49 jogos e 1 gol

2010: 57 jogos e 2 gols

2011: 23 jogos e 1 gol

MIRANDA

Nome completo: João Miranda de Souza Filho

  Coritiba e São Paulo empatam de 1 a 1 pela 32ª rodada do Campeonato

READ  “A Novacap está presente em tudo na vida do brasiliense”

Data de nascimento: 07/09/1984 (36 anos)

Local de nascimento: Paranavaí (PR)

Posição: zagueiro

Altura: 1m86

Peso: 79kg

Clubes: Coritiba (2003-2005), Sochaux (2005-2006), São Paulo (2006-2011), Atlético de Madrid (2011-2015), Internazionale (2015-2019), Jiangsu Suning (2019-2021) e São Paulo (desde 2021)

Títulos por clubes: Campeonato Paranaense (2004), Campeonato Brasileiro (2006, 2007 e 2008), Liga Europa (2011/12), Supercopa da Europa (2012), Copa do Rei (2012/13), Campeonato Espanhol (2013/14), Supercopa da Espanha (2014) e Campeonato Chinês (2020)

Títulos pela Seleção Brasileira: Copa das Confederações (2009), Superclássico das Américas (2014 e 2018) e Copa América (2019)

Competições com a Seleção Brasileira: Copa das Confederações (2009), Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2010 na África do Sul, Copa América (2015, 2016 e 2019), Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018 na Rússia e Copa do Mundo da Rússia (2018)

Premiações: Bola de Prata (2008 e 2009), Troféu Armando Nogueira – Melhor Zagueiro do Campeonato Brasileiro (2009), Craque do Brasileirão – Melhor Zagueiro (2007, 2008, 2009 e 2010), Seleção do Campeonato Brasileiro (2007, 2008, 2009 e 2010), Onze ideal de Sul-Americanos na Europa (2013/14) pelo Jornal MARCA, Seleção do Campeonato Espanhol (2013/14), Top 3 – Melhor defensor da Espanha e da Liga Espanhola (2014) e segundo lugar no Troféu Samba de Ouro (2014)

Comentários do Facebook
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CIDADES

PLANTÃO POLICIAL

POLÍTICA

ECONOMIA

MAIS LIDAS DA SEMANA