Cidades

Ruas de Goiânia recebem ‘Pedal da Paz Brasil’

Publicado

em


Acontece, neste sábado, (13/11), o “Pedal da Paz Brasil’, evento realizado simultaneamente em 17 Estados e o Distrito Federal. Com 300 grupos de pedal envolvidos, a concentração e ponto de partida serão na Praça do Sol, no Setor Oeste. O evento conta com o apoio da Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria Municipal dos Esportes (SMESP) e Secretaria de Mobilidade (SMM).

A primeira edição do Pedal da Paz Brasil foi realizada em 2018. Giuseppe Gióia Arrastes, um dos organizadores do evento, conta que a iniciativa veio após altos números de mortes e acidentes que deixaram vítimas fatais e com sequelas físicas naquele ano. Então, juntamente a outros grupos de pedal e parceiros, pensaram no pedal para chamar atenção quanto a violência no trânsito envolvendo ciclistas.

“Após uma semana da data de finados em 2018, nós, ciclistas goianos, oficializamos o 2° sábado de novembro como o dia de ‘Finados dos Ciclistas’, o dia do Pedal da Paz. Esse evento foi completamente diferente de todos os outros, pois era fraternal, ecumênico, pacífico e solidário, onde todos os ciclistas e grupos de pedal se tornavam uma só corrente, a do bem”, lembra Giuseppe.

READ  Usuários do ‘Órteses e Próteses’ recebem cadeiras de rodas

O primeiro pedal da iniciativa, então, foi realizado em novembro de 2018, na Praça Cívica, e vem crescendo desde então, alcançando também outros estados. Os participantes se vestem de preto em luto às mortes e acidentados no trânsito envolvendo adeptos desse meio de transporte, a bicicleta. 

Giuseppe Gióia conta que, em 2019, sua página no Instagram (@bikeydicas) entrou em contato e buscou parceria com outros ciclistas e grupos de pedal não só de Goiânia, mas de todo Brasil, fazendo com que a segunda edição fosse chamada ‘Pedal da Paz Brasil’, “onde líderes  de suas regiões se unem e debatem ideias para as mudanças necessárias em prol da segurança dos nossos ‘irmãos’ ciclistas em todo país”. Ele frisa que o Pedal da Paz Brasil convida todos a irem de preto em luto e respeito aos ciclistas mortos e acidentados do país, “em um ato de neutralidade de grupos de pedal e estilos no qual, unidos, pedalamos juntos em uma manifestação pacífica pela paz no trânsito e respeito aos ciclistas”, completou. 

READ  Agência Brasil explica: como é feita a eleição dos imortais da ABL

A união dos mais de 300 grupos de pedal em todo Brasil vai se espalhar por 17 Estados, sendo eles Goiás, Ceará, Pará, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Alagoas, Pernambuco, Mato Grosso, Espírito Santo, Minas Gerais, Paraná, Distrito Federal, Paraíba, Bahia, Rio Grande do Norte,  e Rondônia. 

Arthur Marins, da editoria de  esportes.

Comentários do Facebook
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CIDADES

PLANTÃO POLICIAL

POLÍTICA

ECONOMIA

MAIS LIDAS DA SEMANA