Tocantins

Tocantins vai reciclar 2,5 toneladas de redes apreendidas na pesca predatória

Publicado

em


Tocantins vai reciclar 2,5 toneladas de redes apreendidas na pesca predatória

19/04/2021 – Cleide Veloso/Governo do Tocantins

Nesta segunda-feira, 19, o Governo do Tocantins, por meio do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), firmou Acordo de Cooperação Técnica (ACT) com a Associação de Catadores e Catadoras da Região Norte de Palmas (Ascampa), que vai permitir a destinação ambientalmente correta para 2,5 toneladas de redes apreendidas em operações de fiscalização da pesca predatória no Estado.

Todo esse material vinha sendo mantido no pátio de apreensões do Instituto, enquanto aguardava a análise e a definição das condições jurídicas legais, que autorizam o envio das redes apreendidas para destruição e, agora, será destinado para reciclagem.

“A destinação ambientalmente adequada dessas redes é um compromisso do Naturatins com o meio ambiente e toda a sociedade. Esta cooperação com a Ascampa era uma solução aguardada. Vamos desobstruir o pátio e contribuir com a geração de renda para as famílias que trabalham na reciclagem, colaborando com a conservação e a proteção da natureza. Fechamos assim, o ciclo de ganho ambiental da fiscalização”, afirma Renato Jayme, presidente do Naturatins.

Para o diretor de Proteção e Qualidade Ambiental do Naturatins, Eliandro Gualberto, todo esse material é resultado da fiscalização realizada ao longo dos anos. “Portanto, não tem a menor condição de reaproveitamento ou reutilização. Mas também não poderiam ser descartados, de qualquer forma, na natureza. Então, essa cooperação vai permitir que sejam realizadas a separação dos materiais e a transformação em matéria-prima, para fabricação de produtos reciclados”, destaca.

“Os materiais enviados para a Ascampa são objetos de apreensões, com registro, e mesmo que tivessem condições de aproveitamento, não poderiam ser utilizados. Com a reciclagem, o Naturatins volta a movimentar o espaço de armazenamento temporário das apreensões e o meio ambiente permanece livre desses materiais”, reitera o gerente de Fiscalização, Cândido José Neto.

A presidente da Ascampa, France Magna, agradece ao Naturatins, pela oportunidade desta parceria. “A gente vai fazer o recolhimento das redes de pesca, junto com o chumbo. Na Associação, vamos fazer a triagem desse material, separar o chumbo das redes de pesca. Depois, vender o chumbo aqui em Palmas e a rede de pesca enviaremos para Luzimangues [Distrito de Porto Nacional], onde será moído, triturado e transformado em grãos, que depois vão virar sacola, corda de varal, materiais reciclados”, afirma.

Segundo France Magna, graças a esse material, muitos associados poderão ser atendidos, pois vai trazer renda a muitas famílias que ali trabalham. “Nós recebemos todo tipo de material reciclável, do papel ao ferro e até lixo eletrônico. A gente fica aqui na 403 Norte, em Palmas, fazemos coleta nas residências, mas também recebemos o material aqui na Associação”, conclui a presidente da Ascampa.

Os interessados em destinar algum tipo de material reciclável em Palmas, podem entregar diretamente na Ascampa ou solicitar o recolhimento por meio dos telefones (63) 98441-6750 ou 98113-1603.

Edição: Lenna Borges

Revisão Textual: Marynne Juliate

Fonte: Governo TO

Comentários do Facebook
READ  Anuário da Piscicultura aponta crescimento de 11,3% na atividade no Tocantins
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CIDADES

PLANTÃO POLICIAL

POLÍTICA

ECONOMIA

MAIS LIDAS DA SEMANA